Os bastidores da Comissão da Verdade do Rio

O jornal O Globo de 24 de novembro de 2013 publicou reportagem intitulada Os bastidores da Comissão da Verdade do Rio, criada há seis meses.
Integrantes da Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro visitam o 1º Batalhão de Polícia do Exército, na Tijuca, na zona norte da cidade Foto: Tânia Rêgo/ABr

Integrantes da Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro visitam o 1º Batalhão de Polícia do Exército, na Tijuca
Foto: Tânia Rêgo/ABr

Além de trabalhar os documentos históricos – mesmo que sem a participação de historiadores – a Comissão da Verdade do Rio promove ações de divulgação, como uma exposição no Parque das Ruínas, em Santa Teresa, que inclui debates com a participação de alunos da rede estadual. Estudantes também têm assistido a audiências da Comissão e vêm apoiando  a troca de nomes de escolas que homenageavam pessoas envolvidas com crimes da ditadura. Rota tanto para a tortura quanto para o exílio, o Rio de Janeiro foi onde o maior número de militantes desapareceu durante a ditadura militar no Brasil. Leia a matéria na íntegra no Globo Online: Os bastidores da Comissão da Verdade do Rio, criada há seis meses

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *