O dicionário do Dr. Chernoviz: para leigos e médicos

Abril/2018

Bem que o pleno exercício da medicina exija estudos profundos e atilado critério,
não é menos verdade que existem muitas coisas relativas à arte de curar,
cujo conhecimento pode ser facilmente adquirido por todos os homens,
e em que podem noções muito simples pô-los em estado de serem úteis à sociedade. …
É certo, portanto, que há coisas que deveriam ser conhecidas de todos os homens,
e que toda a obra que tiver por objeto popularizar a medicina
fará sempre um verdadeiro serviço à humanidade. (Chernoviz, 1851).

Clique para ampliar

O Diccionario de medicina popular e das sciencias accessorios para uso das familias, de Pedro Luiz Napoleão Chernoviz, foi um best seller: teve seis edições entre 1842 e 1890, e atendia tanto ao público leigo, a quem se destinava, quanto a médicos, como manual de referência profissional, num momento em que o campo médico militava pela exclusividade do exercício da medicina.

“O doutor Chernoviz fazia aparecer o acesso universal ao saber, um dos princípios básicos dos movimentos iluministas, como uma causa dos homens de ciência. Sob essa perspectiva, a divulgação da medicina era um dever do campo médico, e não necessariamente uma ameaça”, afirma Aline da Silva Medeiros, arquivista-pesquisadora do Service des Archives Diocésaines d’Aix-en-Provence, na França, que assina o artigo Autoria científica do doutor Chernoviz entre a vulgarização da medicina e a formação profissional: o caso do Dicionário de medicina popular, 1842-1890, publicado nesta edição de HCS-Manguinhos (v.25, n.1, jan./mar. 2018)

A partir da obra, o artigo traz reflexões em torno da autoria científica do doutor Chernoviz (1812 – 1881), médico e editor polonês que consolidou sua carreira e fama no Império do Brasil. O texto discute a sua inserção  nos regimes de autoria científica então vigentes no campo médico carioca, analisa os argumentos desenvolvidos por ele para justificar a publicação de um livro de vulgarização da ciência e sugere novos sentidos em torno da sua autoria científica a partir das constatações dos usos e das leituras do Dicionário por parte de um público de iniciados.

Veja algumas imagens do livro e acesse os links abaixo.

Leia em HCS-Manguinhos:

Autoria científica do doutor Chernoviz entre a vulgarização da medicina e a formação profissional: o caso do Dicionário de medicina popular, 1842-1890, artigo de Aline da Silva Medeiros (v. 25, n. 1, jan./mar. 2018)

Chernoviz e os manuais de medicina popular no Império, artigo de Maria Regina Cotrim Guimarães
(vol. 12 no. 2, mai./ago. 2005)

Baixe em PDF:

Diccionario de medicina popular e das sciencias accessorios para uso das familias, de Pedro Luiz Napoleão Chernoviz – Edição de 1890, acervo digital da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin