Juliana Manzoni e Magali Romero Sá vencem Prêmio Ciro Flávio Bandeira de Mello, da revista Varia Historia, da UFMG

Dezembro/2017

COC/Fiocruz

Juliana Manzoni e Magali Romero Sá

Com o artigo Negócios, Ciência e Política: O Instituto Behring de Terapêutica Experimental no Rio de Janeiro e o mercado latino-americano de produtos biológicos, publicado em português e inglês na revista Varia Historia, as historiadoras Juliana Manzoni e Magali Romero Sá ganharam a primeira edição do Prêmio Ciro Flávio Bandeira de Mello. Criado este ano, a honraria é concedida pela Varia Historia, periódico da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), para conferir distinção ao melhor artigo publicado em cada ano. O trabalho foi publicado no volume 33 (nº 63) da versão on-line da revista. Magali é pesquisadora titular da Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) e Juliana faz pós-doutorado na Casa. O artigo analisa a criação do Instituto Behring de Terapêutica Experimental, no Rio de Janeiro, em 1932, como primeira filial da firma alemã Behringwerke na América Latina, e seu confisco pelo governo brasileiro, em 1943. Em seu premiado trabalho, a dupla interpreta – a partir de uma perspectiva transnacional – a iniciativa não apenas como alemã, apesar da forte ligação com a diplomacia cultural germânica do período. O plano de expansão comercial para a América Latina começou e foi feito a partir do Rio de Janeiro, e provou-se providencial para preservar o mercado consumidor durante a Segunda Guerra Mundial, quando a Alemanha foi impedida de comercializar com o continente. Professor do Departamento de História da UFMG, Ciro Flávio Bandeira de Mello foi idealizador e fundador da revista Varia Historia, em 1987, com o nome inicial de Revista do Departamento de História. O Prêmio concedeu Menção Honrosa a David Martín Marcos e a Rodrigo Bentes Monteiro, pelo trabalho Penachos de ideias. A Guerra de Sucessão da Espanha e a formação de Pedro Miguel de Almeida Portugal, 3º conde de Assumar. A historiadora Magali Romero Sá é doutora em História e Filosofia da Ciência pela University of Durham (Reino Unido), pesquisadora titular da Casa de Oswaldo Cruz e vice-diretora de Pesquisa, Educação e Divulgação Científica da COC/Fiocruz. Juliana Manzoni Cavalcanti é doutora em História das Ciências e da Saúde e pós-doutoranda também pelo Programa de Pós-Graduação da COC. Em sua pesquisa trata das relações científicas entre Brasil, Alemanha e América do Sul com enfoque sobre a circulação de produtos biológicos (soros e vacinas). Leia artigos das pesquisadoras premiadas em HCS-Manguinhos: Cavalcanti, Juliana Manzoni. Uma história institucional da tuberculose no Chile: o Programa de Controle da Tuberculose, 1973-2013. Dez 2016, vol.23, no.4 Cavalcanti, Juliana Manzoni. Entre centros e periferias: ciência, nação e região no estado do Amazonas. Dez 2014, vol.21, no.4 Rolim, Marlom Silva and Sá, Magali Romero A política de difusão do germanismo por intermédio dos periódicos da Bayer: a Revista Terapêutica e O Farmacêutico Brasileiro. Mar 2013, vol.20, no.1 Cavalcanti, Juliana Manzoni and Maio, Marcos Chor Entre negros e miscigenadosa anemia e o traço falciforme no Brasil nas décadas de 1930 e 1940. Jun 2011, vol.18, no.2 Cavalcanti, Juliana Manzoni. Uma anemia mestiçaa singularidade da anemia falciforme no Brasil (1930-1940). Jun 2011, vol.18, no.2 Bastos, Francisco Inácio and Sá, Magali Romero The scientist as historianPaulo Vanzolini and the origins of zoology in Brazil. Dec 2011, vol.18, no.4 Sá, Magali Romero. Os estudos em malária aviária e o Brasil no contexto científico internacional (1907-1945). Jun 2011, vol.18, no.2 Hochman, Gilberto, Benchimol, Jaime and Sá, Magali Romero Health, colonialism, and developmentan interview with historian Randall Packard. June 2011, vol.18, no.2 Sá, Magali Romero. Os estudos em malária aviária e o Brasil no contexto científico internacional (1907-1945). Jun 2011, vol.18, no.2 Kropf, Simone Petraglia and Sá, Magali Romero The discovery of Trypanosoma cruzi and Chagas disease (1908-1909)tropical medicine in Brazil. July 2009, vol.16, suppl.1 Sá, Dominichi Miranda de, Sá, Magali Romero and Lima, Nísia Trindade Telégrafos e inventário do território no Brasilas atividades científicas da Comissão Rondon (1907-1915). Set 2008, vol.15, no.3 Sá, Magali Romero. A ferro e fogoa história e a devastação da Mata Atlântica Brasileira. Nov 1996, vol.3, no.3 Azevedo, Nara, Cortes, Bianca Antunes and Sá, Magali Romero Um caminho para a ciênciaa trajetória da botânica Leda Dau. 2008, vol.15 Maio, Marcos Chor and Sá, Magali Romero Ciência na periferiaa Unesco, a proposta de criação do Instituto Internacional da Hiléia Amazônica e as origens do Inpa. Set 2000, vol.6 Benchimol, Jaime L. and Sá, Magali Romero Adolpho Lutz and controversies over the transmission of leprosy by mosquitoes. 2003, vol.10, suppl.1 Sá, Magali Romero and Maia-Herzog, Marilza Doença de além-marestudos comparativos da oncocercose na América Latina e África. Abr 2003, vol.10, no.1 Sá, Magali Romero. O botânico e o mecenasJoão Barbosa Rodrigues e a ciência no Brasil na segunda metade do século XIX. 2001, vol.8  

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *