História, Ciências, Saúde – Manguinhos também é meio ambiente

Para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente, 5 de junho, selecionamos artigos publicados em diversas edições de HCS-Manguinhos. Boas leituras. 

Resumos no Blog:

Desmatamento no Mato Grosso era preocupação ambiental já no século XIX

Mário Ferraro e Silvia Figueirôa abordam a obra Viagem ao Redor do Brasil – 1875-1878, de João Severiano da Fonseca

O cerrado de Bernardo Élis na perspectiva da história ambiental

Artigo analisa as representações de natureza na obra do escritor

Sérgio Buarque de Holanda e o debate contemporâneo da história ambiental

Artigo de Janaina Zito Losada em HCS-Manguinhos discute as contribuições das principais obras do autor

Espécies do Oriente para a agricultura do Brasil colônia

Exploração científica da natureza oriental conduzida pela coroa portuguesa no final do século XVIII visava introduzir novas plantações, afirma o historiador Magnus Roberto de Mello Pereira em artigo em HCS-Manguinhos.

A aposta pela vida: resenha discute obra de Enrique Leff sobre sociologia ambiental

Leo Peixoto Rodrigues, Rafael Braz e Camila Prates, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), escreveram para HCS-Manguinhos

O Brasil de 1763 segundo António Nunes Ribeiro Sanches

Ideias do médico português sobre a exploração de recursos naturais são tema de artigo de Gisele C. Conceição em HCS-Manguinhos

Bioética e ética ambiental em Van Potter

Autores enfocam dimensões interpessoais, socioeconômicas e políticas dos dilemas

A ciência a serviço da saúde humana e ambiental: entrevista com o químico, geneticista e ambientalista Flávio Lewgoy

Químico, geneticista, perito criminalístico e ambientalista, Flávio Lewgoy (1926-2015) tinha o compromisso ético de retribuir à sociedade o que aprendera em sua formação em instituições públicas. Leia entrevista concedida a Elenita Malta Pereira em HCS-Manguinhos.

 

Artigos em HCS-Manguinhos:

Repensando a “aposta pela vida”: para uma sociologia ambiental no século XXI, resenha de Leo Peixoto Rodrigues, Rafael Braz e Camila Prates (vol.24, n.4, out./dez. 2017)

“Plantas novas que os doutos não conhecem”: a exploração científica da natureza no Oriente português, 1768-1808, artigo de Magnus Roberto de Mello Pereira (vol. 24, no.3, jul./set. 2017)

Evidências da circulação de conhecimento filosófico-natural sobre o Brasil em um manuscrito de 1763 de António Nunes Ribeiro Sanches, artigo de Gisele C. Conceição (vol.24, n.2, abr./jun. 2017)

A ciência a serviço da saúde humana e ambiental: entrevista com o químico, geneticista e ambientalista Flávio Lewgoy. Entrevista concedida a Elenita Malta Pereira (vol.24, no.1, jan./mar. 2017)

Da ética ambiental à bioética ambiental: antecedentes, trajetórias e perspectivas, artigo de Marta Luciane Fischer, Thiago Cunha, Valquiria Renk, Anor Sganzerla e Juliana Zacarkin dos Santos (vol.24, n.2, abr./jun. 2017)

A desflorestação no Mato Grosso no livro Viagem ao redor do Brasil 1875-1878, do médico João Severiano da Fonseca, artigo de Mário Roberto Ferraro e Silvia Fernanda de Mendonça Figueirôa (vol.24, no.2, abr./jun. 2017)

O cerrado goiano na literatura de Bernardo Élis sob o olhar da história ambiental, artigo de Sandro Dutra e Silva, Aurea Marchetti Bandeira, Giovana Galvão Tavares e Luciana Murari (vol.24, no.1, jan./mar. 2017)

Historiografia brasileira e meio ambiente: as contribuições de Sérgio Buarque de Holanda e o debate contemporâneo da história ambiental, artigo de Janaina Zito Losada (vol.23, no.3, jul./set. 2016)

Malária como doença e perspectiva cultural nas viagens de Carlos Chagas e Mário de Andrade à Amazôniaartigo de Nisia Trindade Lima  (v.20, n.3, jul.-set 2013)

O medo do sertão: a malária e a Comissão Rondon (1907-1915), Caser, Arthur Torres and Sá, Dominichi Miranda (jun 2011, vol.18, no.2)

Toxicidade e produção de maçãs no sul do Brasil. Klanovicz, Jó. Mar 2010, vol.17, no.1

Um caminho para a ciência: a trajetória da botânica Leda Dau, Azevedo, Nara, Cortes, Bianca Antunes and Sá, Magali Romero . 2008, vol.15

Ferrovias, doenças e medicina tropical no Brasil da Primeira República, artigo de Jaime Larry Benchimol e André Felipe Cândido da Silva (vol.15 n.3 jul/set. 2008)

Cândido de Mello Leitão: as ciências biológicas e a valorização da natureza e da diversidade da vida, artigo de José Luiz de Andrade Franco e José Augusto Drummond (v.14 n.4 out./dez. 2007)

Armando Magalhães Corrêa: gente e natureza de um sertão quase metropolitano. Franco, José Luiz de Andrade and Drummond, José Augusto, Dez 2005, vol.12, no.3

Homens de ciência no Brasil: impérios coloniais e circulação de informações (1780-1810). Kury, Lorelai. vol.11, suppl.1, 2004

Os intelectuais e as representações da nação: um sertão chamado Brasil, artigo de Marcos Cezar de Freitas sobre livro de Nísia Trindade Lima (vol. 8, n. 3, dez 2001)

Viajantes-naturalistas no Brasil oitocentista: experiência, relato e imagem, Kury, Lorelai, vol.8, 2001

O botânico e o mecenas:João Barbosa Rodrigues e a ciência no Brasil na segunda metade do século XIX.Sá, Magali Romero. 2001, vol.8

Investimentos privados, impactos ambientais e qualidade de vida num empreendimento mineral amazônico: o caso da mina de manganês de Serra do Navio (Amapá), Drummond, José Augusto. 2000, vol.6

Desenvolvimento sustentável: debates em torno de um conceito problemático, artigo de José Augusto Drummond (vol.5, n.3, fev 1999)

Missões civilizatórias da República e interpretação do Brasil, artigo de Nisia Trindade Lima no suplemento especial sobre Canudos (vol.5, 1998)

A conquista do espaço: sertão e fronteira no pensamento brasileiro, artigo de Lúcia Lippi Oliveira (vol. 5, jul. 1998)

Visões do deserto: selva e sertão em Euclides da Cunha, artigo de Roberto Ventura (vol. 5, jul. 1998)

Missões civilizatórias da República e interpretação do Brasil, artigo de Nisia Trindade Lima no suplemento especial sobre Canudos (vol.5, 1998)

Ciência e nação: romantismo e história natural na obra de E. J. da Silva Maia. Kury, Lorelai. vol.5, no.2, out 1998

A ferro e fogo: a história e a devastação da Mata Atlântica Brasileira. Sá, Magali Romero, vol.3, no.3, nov 1996

E ainda no Blog de HCS-Manguinhos:

Livro sobre história ambiental traz artigos de pesquisadoras da Casa de Oswaldo Cruz
A obra é dividida em três partes: territórios, fronteiras e biodiversidade.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *