Milton Guran expõe no Rio suas fotos de diferentes grupos indígenas

Dezembro/2013

“No Brasil se falam mais de duzentas línguas indígenas. Cada uma corresponde a uma cultura diferente, a uma forma especial de se viver neste planeta. Algumas delas estão aqui representadas através de observações, mensagens, testemunhos”. Milton Guran Filhos da TerraA exposição apresenta cerca de 50 fotografias em preto-e-branco de Milton Guran, realizadas em dezesseis diferentes grupos indígenas, da Amazônia ao sul do país, durante quase vinte anos de trabalhos de campo seja como repórter-fotográfico, fotógrafo do Museu do Índio ou antropólogo. São eles: Yanomami, Makuxi, Marubo, Matis, Kayapó, Kamayurá, Kuikuro, Yawalapiti, Arara, Xavante, Guarani, Kaingang, Pankararu, Jaminawa, Machineri e Suyá. Milton Guran, que também assina a curadoria, destaca que cada uma dessas culturas representa uma maneira de se viver neste planeta, e deve ser respeitada e considerada como tal. Esta diversidade cultural representa um dos maiores patrimônios do país. As diferentes culturas interagem entre si e, principalmente, com a sociedade nacional, e é isso que a exposição pretende mostrar através de imagens que representam desde os povos mais isolados aos mais integrados à sociedade nacional. O olhar do fotógrafo, mesmo orientado pelos protocolos do jornalismo e da antropologia, incorporou às fotografias sua preocupação etnográfica como forma de documentar, mantendo a emoção dos primeiros contatos e adentrando no mundo do afeto. O índio é apresentado como portador de uma cultura diferente e rica que se mistura com o que é ser brasileiro e não como um ser exótico. Há registros de costumes da vida cotidiana e de rituais que podem ser considerados históricos, já que hoje se transformaram completamente ou mesmo desapareceram. Da documentação de uma relação de primeiros contatos com um subgrupo Arara do Sul do Pará até a prática urbana dos Guaranis do Estado do Rio, Filhos da Terra se constitui em um significativo repertório do que é ser indígena no Brasil de hoje.

Filhos da Terra

Exposição: “Filhos da Terra – Fotografias – Milton Guran” Abertura: 4 de dezembro de 2013, às 19h Visitação: 5 de dezembro de 2013 a 19 de janeiro de 2014 – terça-feira a domingo, das 12h às 19h – Grátis Centro Cultural Correios – Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro – Rio de Janeiro Telefone: (21) 2253-1580 Curadoria: Milton Guran Patrocínio: Correios Apoio Cultural: Centro Cultural Correios

Fonte: Centro Cultural Correios

Leia o artigo de Milton Guran publicado em HCSM: “Agudás — de africanos no Brasil a ‘brasileiros’ na África”, do fotógrafo e antropólogo Milton Guran (v.7, n.2) Leia também: Indígenas montam site e contam sua versão da história em materiais didáticos  

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *