Do psíquico ao somático: a reconfiguração do self contemporâneo

Dezembro/2017

A passagem de uma compreensão psicológica da pessoa para uma compreensão somática/cerebral é o tema do artigo Do psíquico ao somático: notas sobre a reconfiguração do self contemporâneo, de Jane Russo, professora do Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, publicado no suplemento de HCS-Manguinhos sobre culturas psi. Examinando exemplos em que intervenções biotecnológicas se articulam a um forte investimento afetivo, a autora chega à noção de um “vitalismo” contemporâneo, no qual a categoria “vida”, embora ancorada na materialidade biológica, a ultrapassa, associando-se a categorias fluidas como felicidade e bem-estar. Tendo em vista a atual difusão de uma visão somática ou cerebral da pessoa, Jane Russo questiona: ainda é possível falar em “cultura psi”? Leia em HCS-Manguinhos: Do psíquico ao somático: notas sobre a reconfiguração do self contemporâneo, artigo de Jane Russo (vol.24, supl.1, 2017) Acesse o sumário do suplemento ‘Culturas psi”

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *