Chagas de uma velha conhecida

Setembro/2013

Sofia Moutinho | Ciência Hoje
Chagas de uma velha conhecida

A presença do ‘Trypanosoma cruzi’, parasita causador da doença de Chagas, no organismo desencadeia uma desordem imunológica e neuroquímica que leva à depressão. (foto: CDC/ Dr. Myron G. Schultz)

Inchaço, insuficiência cardíaca, problemas digestivos. A desagradável lista de sintomas da doença de Chagas crônica ganha mais um elemento: a depressão. Mais de 100 anos depois da descoberta e caracterização da doença por Carlos Chagas, pesquisadores do Instituto Oswaldo Cruz/Fiocruz mostram que a presença do parasitaTrypanosoma cruzi no organismo induz uma desordem neuroquímica e imunológica que leva à depressão.
Muitos relatos clínicos de pacientes com a doença citavam a depressão, porém se acreditava que ela tinha origem psicológica, por se tratar de uma enfermidade grave e incurável. Mas uma equipe liderada pela bióloga Joseli Lannes-Vieira investigou mais a fundo a relação entre as duas doenças depois de observar que camundongos infectados com o parasita de Chagas ficavam recolhidos e aparentemente desanimados. A equipe fez uma série de testes com os animais infectados para saber se o comportamento se devia a uma indisposição ou a um quadro depressivo. Em um dos experimentos, camundongos com e sem a doença de Chagas foram colocados em uma banheira da qual não conseguiam sair. Os animais normais nadaram procurando uma escapatória. Já os doentes desistiram de nadar depois de algum tempo. Leia aqui a matéria completa Nota do blog: Confira nossa edição especial “Chagas do Brasil: ciência, saúde e sociedade” Fonte: Ciência Hoje

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *