Centenário do Leônidas Deane é celebrado com exposição e série de palestras

Com uma vida dedicada à saúde pública, Leônidas Deane é reconhecido como um dos mais respeitados parasitologistas do mundo. Se estivesse vivo, o pesquisador de personalidade emblemática completaria cem anos no dia 18 de março. Para comemorar o centenário do parasitologista, o Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) promoverá uma Sessão Especial do Centro de Estudos: Centenário Leônidas Deane: um parasitologista no campo, no laboratório e na sala de aula. A jornada será realizada no dia 21 de março, das 9h às 17h. A homenagem contará ainda com uma exposição sobre a vida de Leônidas, que ficará em exibição até o dia 11 de abril, das 8h às 17h. As homenagens acontecem no edifício que recebe o nome do expoente parasitologista, Pavilhão Leônidas Deane, e são abertas à comunidade científica da Fiocruz.
O parasitologista Leônidas Deane e sua esposa, a também pesquisadora Maria Von Paumgartten Deane

O parasitologista Leônidas Deane e sua esposa, a também pesquisadora Maria Von Paumgartten Deane

Segundo o pesquisador e organizador da iniciativa, Ricardo Lourenço, do Laboratório de Transmissores de Hematozoários do IOC, o evento é uma homenagem à figura marcante que Leônidas representou: “Dr. Deane foi um dos maiores parasitologistas que tivemos, sendo inclusive uma referência internacional, especialmente por sua contribuição para a entomologia médica, malária e leishmanioses. Queremos lembrar as pessoas da importância dele como pesquisador, não só dentro do laboratório, mas também no trabalho de campo, e professor na sala de aula, já que esse era um dos maiores prazeres dele”, afirmou o pesquisador. Para a jornada estão programadas palestras que discutirão as principais áreas de atuação de Leônidas em vida: malária, leishmaniose visceral, tripanossomas e mosquitos. Os aspectos históricos da trajetória de vida do cientista e sua aptidão para o desenho, muito explorada por ele em atividades de ensino, também serão abordados no evento. Já a exposição contará com um importante acervo de objetos pessoais, fotografias, caricaturas, ilustrações científicas, dentre outras peças, além de documentos que narram a trajetória do parasitologista.
Informações
Centenário de Leônidas Deane 9h – Abertura e boas vindas Wilson Savino, diretor IOC Centenário Leônidas Deane: um parasitologista no campo, no laboratório e na sala de aula Ricardo Lourenço /IOC O gigante franzino José Rodrigues Coura /IOC 10h – Palestra Leishmaniose visceral: O que nós acrescentamos às contribuições de Leônidas Deane? – Carlos Henrique Costa /Universidade Federal do Piauí Comentários: Elizabeth Ferreira Rangel 11h – Palestra Imagem, ensino e cognição Isabela Frade, IArtes, UERJ Comentário: Tânia C. Araújo-Jorge 12h – Intervalo 13h – Palestra De novo a ameaça das alas amarillas: a disseminação de chikungunya nas Américas – Ricardo Lourenço/ IOC Comentários: Rita Nogueira/ IOC 14h – Vídeo Leônidas Deane discursa no Palácio do Planalto – Paulo Gadelha, Presidente Fiocruz 15h – Palestra Epidemiologia e controle da malária na Amazônia rural brasileira – Marcelo Urnabo Ferreira / USP Comentários: Cláudio T. Daniel Ribeiro, IOC 16h – Palestra Continuando Leônidas Deane: filogenia e biogeografia de tripanosomas de animais silvestres e de tripanosomatídeos de insetos – Erney P. Camargo / USP Comentários: Ana Maria Jansen/ IOC Fonte: IOC/Fiocruz, Portal Fiocruz

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *