Telejornal brasileiro tem mais notícias de ciência do que similar colombiano

Jornal Nacional passa mais matérias de C&T, mais longas, com mais recursos visuais e mais destaque nas edições, além de apresentar uma cobertura mais estável ao longo do tempo do que o Noticias Caracol

Filantropia, saúde e arquitetura no início do século XX em palestra na COC

Na próxima segunda-feira, 22 de maio, os pesquisadores da Casa de Oswaldo Cruz Gisele Sanglard e Renato da Gama-Rosa realizam palestra para alunos da Faculdade de História da Arte da Rice University, aberta ao público

Encontro às Quintas aborda luta contra a anemia tropical na Colômbia no início do século XX

María Catalina Garzón fará palestra na Casa de Oswaldo Cruz nesta quinta, 18 de maio, às 10h

Escravidão, doença e morte ontem e hoje no Brasil

Em 13 de maio de 1888, a escravidão foi abolida, mas nem por isso acabou

Rondon e o telégrafo na Amazônia

Artigo de Dominichi Miranda de Sá, Magali Romero Sá e Nísia Trindade Lima analisa a implantação do telégrafo na Amazônia e o impacto das atividades científicas da Comissão Rondon em áreas como botânica, geologia e zoologia

Livro de Cueto e Palmer ganha prêmio da Associação Americana para a História da Medicina

Medicina e Saúde na América Latina: Uma História aborda desde o contato entre a medicina indígena, a afro-americana e a europeia no período colonial até o contexto neoliberal da década de 1980

Editores de HCS-Manguinhos falam dos desafios das revistas de história e ciências sociais em congresso da Lasa no Peru

Marcos Cueto, Roberta Cerqueira e André Felipe Candido da Silva participaram de mesa com Martin Monsalve e Carlos Contreras

Kaori Kodama lança livro infantil sobre o bairro carioca de Botafogo

Lançamento será na manhã de sábado, 6 de maio, no pátio do Museu Villa-Lobos, e terá orquestra e e brincadeiras

Lepra em Moçambique colonial: do sobrenatural à segregação

Artigo em HCS-Manguinhos discute relatos de médicos e missionários como o suíço Henri Junod

Dos ‘defensivos’ aos ‘agrotóxicos’: mudanças de percepção ao longo de 50 anos em Santa Catarina

Artigo mostra que o uso e a percepção dos agrotóxicos passaram por diferentes fases, e que a partir dos anos 1980 as atitudes mudaram com a circulação de ideias ambientalistas