A cidade entre o mar, o sertão e a floresta

Junho/2015

Museu do Meio Ambiente, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Museu do Meio Ambiente, no Jardim Botânico do RJ

A socióloga Nísia Trindade e o engenheiro florestal Fabio Scarano discutem como garantir o direito à cidade e o fluxo dos serviços ecossistêmicos vitais no contexto de crescimento urbano do Rio de Janeiro no seminário “A cidade entre o mar, o sertão e a floresta”, que acontece no Museu do Meio Ambiente, na próxima quarta-feira, 10 de junho, às 9h30. Nísia Trindade abordará o delicado tema da relação entre a cidade do Rio de Janeiro e suas favelas. Segundo Nísia, “nas comemorações dos 450 anos da fundação do Rio de Janeiro, o direito à cidade impõe-se como um dos mais importantes desafios e, nessa perspectiva, pensar as discussões em torno das favelas torna-se imprescindível. Em contraste com as comemorações do quarto centenário, quando esses ícones da moradia popular não figuravam na programação oficial e eram mesmo vistos como a antítese da ‘cidade maravilhosa’, trata-se agora de mostrá-los como parte integrante da paisagem, da cultura e da economia do Rio”. O trabalho pretende explorar a relação tensa entre cidade e favela, com base na proximidade semântica e simbólica entre favela e sertão. Já o engenheiro florestal Fabio Scarano apresentará experiências em curso na região metropolitana do Rio de Janeiro que favorecem um bom fluxo de serviços ecossistêmicos. Fabio falará sobre diversas experiências adotadas para garantir o fluxo de serviços ecossistêmicos vitais aos seres humanos, numa população urbana crescente, em um contexto de mudanças climáticas em curso. Nísia Trindade é pesquisadora titular da Casa de Oswaldo Cruz, vice-presidente de Ensino, Informação e Comunicação da Fiocruz e diretora da Editora Fiocruz. Fabio Scarano é diretor executivo da Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável (FBDS). Doutor em Ecologia pela Universidade de St. Andrews (Escócia), foi diretor de Pesquisas Científicas do JBRJ e vice-presidente senior para as Américas da Conservation International (CI). É professor associado da UFRJ e autor principal para os Painéis Brasileiro (PBMC) e Intergovernamental (IPCC) de Mudanças Climáticas. O seminário “A cidade entre o mar, o sertão e a floresta” faz parte do ciclo “O Museu do Meio Ambiente comemora a cidade”, que tem encontros mensais até novembro deste ano, comemorando os 450 anos do Rio. Neste mês de junho, a palestra está também na programação de aniversário dos 207 do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. A cidade entre o mar, o sertão e a floresta Dia 10 de junho de 2015, às 9h30 Museu do Meio Ambiente do Jardim Botânico do Rio de Janeiro Rua Jardim Botânico, 1008. Entrada gratuita. Fonte: JBRJ

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *