Artigo analisa desvios da avaliação da produtividade científica

Através da reconstrução histórica do processo do desenvolvimento das métricas de avaliação e das atuais estratégias de aplicação, os autores Marcos Antônio Mattedi e Maiko Rafael Spiess, da Universidade Regional de Blumenau, sustentam que o processo de avaliação da atividade científica se caracteriza por três marcadores: papirocentrismo, produtivismo e mimetismo.

Acesso aberto, desigualdades, atenção básica e formação em saúde nesta edição de Trabalho, Educação e Saúde

Outubro/2017 A última edição de 2017 da revista Trabalho, Educação e Saúde, já no ar, traz editorial assinado por Sarita Albagli, professora e pesquisadora do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict). Ela sublinha a importância da 8ª Conferência-Luso Brasileira de Acesso Aberto (ConfOA), realizada no início deste mês na...

Boletim da SBHC traz cinco artigos de participantes do 25º ICHST

Congresso Internacional de História da Ciência e da Tecnologia – o maior evento internacional da área – foi realizado em julho no Rio de Janeiro

Teatro natalino de escravos no Brasil no olhar de um botânico europeu

Em 1836, George Gardner assistiu encenação dramática em fazenda na Serra dos Órgãos, RJ

A quem interessa patologizar a homossexualidade?

Convidamos a antropóloga Ana Teresa A. Venancio para discutir o discurso da “mudança da homossexualidade” e suas inversões

Exposições internacionais estreiam seção Revisão Historiográfica

Trabalho de Nelson Sanjad foi possível graças a recursos recebidos pela revista da Wellcome Trust

Coletânea discute aplicação da diplomacia em prol de uma saúde mais equitativa

Lançamento será no simpósio ‘Saúde Global e Diplomacia da Saúde e a Política Externa Brasileira’, em 17 de outubro de 2017, na Academia Nacional de Medicina, no Rio de Janeiro

Nova edição em tempos de virada global

Editores de HCS-Manguinhos lançam perguntas provocativas e comemoram a criação da nova seção Revisão Historiográfica

Livros da Editora Fiocruz sobre políticas de saúde pública são finalistas em prêmios

Amamentação e Políticas para a Infância no Brasil: a atuação de Fernandes Figueira (1902-1928), organizado por Gisele Sanglard, e Brasil Saúde Amanhã: população, economia e gestão, organizado por Paulo Gadelha, José Carvalho de Noronha, Sulamis Dain e Telma Ruth Pereira, são finalistas do Prêmio Abeu 2017. O segundo também concorre ao 59º Prêmio Jabuti.

Gestações Imperfeitas: novo livro de Ilana Löwy discute a história do diagnóstico pré-natal

Pesquisadora emérita do Instituto Nacional Francês de Saúde e Pesquisa Médica foi editora convidada de edição que enfoca a medicalização do corpo feminino em HCS-Manguinhos